Talismãs: Quais são os mais Poderosos e como Utilizar

Talismãs são objetos poderosos, criados para vibrar de formas diferentes devido suas ligas metálicas e os elementos que os compõem.

É assim que cada um flui uma energia única ao nosso redor e objetos, que podem vibrar – ou não – na mesma frequência.

Dessa forma, movimentamos as energias ao nosso redor, nos protegemos e até atraímos aquilo que tanto esperamos.

Mas “Talismã” e “Amuleto” são a mesma coisa?

Não são! Já vou te explicar.

Aqui no blog eu ainda devo falar muito sobre técnicas de limpeza energética do seu lar e do seu corpo, principalmente se você tem talismãs ou amuletos.

Afinal, o fluxo energético é muito alto, mas nem sempre positivo, então precisamos fazer manutenção de onde vivemos e do corpo que habitados.

Caso contrário, estaremos muito susceptíveis a más vibrações, que vêm inclusive de pensamentos ruins a nosso respeito!

Aliás, se você sofre com pessoas que falam mal de você, esse texto aqui pode te ajudar.

Mas retomando, hoje vou ajudar vocês falando sobre talismãs, e muita gente acha que são a mesma coisa que amuletos. Não são!

Talismãs e Amuletos não são a mesma coisa!

O que são Amuletos

Podem ser um objeto, algo escrito ou mesmo uma imagem que o portador mantém consigo.

Podem ter diversas funções: depende do que está carregando junto do amuleto ou do seu corpo.

Portanto, pode servir para te proteger de energias ruins e mau olhado, curar doenças, evitar malefícios, preservar o corpo, entre outros.

O que são Talismãs

São objetos mágicos que têm o poder de proteger o seu portador, mas diferente de Amuletos, não podem ser comprados.

Para ser considerado talismã, é necessário que o objeto seja produzido pelo seu portador, proprietário.

Ou seja, se você quer ter um talismã, precisa fazê-lo com suas próprias mãos! É assim que sua aura conjura aquele objeto para si.

Olho Grego

Materiais para fazer o seu Talismã

Se você não for comprar e fazer o seu próprio, eu preciso te dar um alerta do tipo de material que deve evitar.

Chumbo, estanho e mercúrio são tóxicos para seres humanos.

Além disso, se você usar cobre mesmo, seu talismã não terá a mesma utilidade caso utilize madeira, citrino, e por aí vai.

Logo, nem tudo serve para tudo, entende?

Eu preparei um Guia dos Materiais no curso de Saúde Quântica especificando 36 materiais diferentes que podem ser utilizados, e o que cada um faz.

Mas como nesse artigo não cabem todos, vou fazer um resumo para escolher o talismã ideal 🙂

Lembrando que você pode tanto produzir, ou comprar (no caso da compra, terá um “amuleto”, e não talismã, lembra?)

Alguns minerais são perigosos! Cuidado!

Talismãs e Amuletos mais poderosos

São 33 os talismãs e amuletos mais poderosos, e eu teria que tirar o conteúdo do material do curso, mas nem todos cabem no artigo de hoje.

Portanto, vou te indicar alguns! 🙂 Separei um para cada utilidade mais procurada. Olha só:

Talismã Ferradura [Dinheiro e Prosperidade]

Troca suas energias negativas pelas positivas, normalmente utilizada em portas mas pode servir de pingente.

Atrai, também, a prosperidade financeira e prosperidade!

Símbolo da Ferradura: talismã próspero
Talismã Escaravelho (kheper) [Saúde vital e mudanças]

Egípcio, tem energias ligadas ao renascimento, trazendo mudanças positivas para sua vida conforme e trazendo mais vitalidade para o corpo. Carregue com você 🙂

Talismã Árvore da Vida [Longevidade, superação e caminhos abertos]

Conecta energias do Sol com a Terra, atraindo a sorte para seu portador e auxiliando sua saúde, um progresso à longevidade.

Simboliza caminhos abertos em direção à luz, atraindo o livre-arbítrio, um poder de escolha para o bem.

Muito útil para superar difíceis momentos de vida e confusão mental.

Talismã Borboleta [Sorte, vontade de viver e libertação pessoal]

Ótimo para quando o portador quer encontrar novos caminhos em sua vida, se autoconhecer melhor e mudar por dentro.

Atrai sorte, provoca também a libertação pessoal e sensação de estar “vivendo de novo”. Por dentro, você evolui.

Perfeito para quem vive um relacionamento tóxico e não consegue sair. Aliás, aqui tem um vídeo em que falo sobre isso nesse artigo aqui!

Borboleta: um ótimo talismã pessoal

Bom, eu espero que tenham gostado 🙂 Para falar com o Instituto, aqui você acessa nossos cursos com vagas e aqui o contato via WhatsApp.

Inscreva-se no nosso Canal do YouTube e acompanhe outros artigos de Saúde Quântica! 🙂

Até a próxima!

E se quiser aprender tudo sobre Saúde Quântica, aguarde a chamada para o lançamento do curso clicando aqui!

Comentários do Facebook